quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Resenha "Amores Infernais"

                                                 

Livro: Amores Infernais     
Autor: Variado
Editora: Galera Record
Páginas: 288
Ano: 2011

Sinopse:

Seguindo o mesmo estilo de formaturas infernais, essa é uma coleção de cinco contos de autores contemporâneos de literatura jovem abordando a mesma temática: o amor. Porém, longe de histórias de amor tradicionais, esses contos mostram o quão terrível e assustadora a paixão pode ser.



Dormindo com o espírito
Laurie Faria Stolarz (Série - Azul é para pesadelos)
Você já se imaginou apaixonada por um fantasma?
Bom Brenda nunca nem quis saber deles desde que sua irmã Emma morreu após seis meses em coma e em uma tarde apareceu só para se despedir dela.
Desde então ela evita ao máximo esse assunto, até conhecer Travis um lindo fantasma que mora em sua nova casa, ele é loiro de olhos azuis e tem 17 anos, Travis morreu naquela casa de forma trágica há cerca de 20 anos atrás.
Mas por um acaso da vida ela se apaixona por ele.
Laurie consegue trazer a tona um assunto que só havia sido abordado (a meu ver) por Meg Cabot (A Mediadora), onde uma menina com poderes mediúnicos se apaixona por um fantasma maravilhoso.
A história é bem simples mais gostosa de ler, e assim como os outros contos trata-se do sobrenatural.

Abominável mundo perfeito
Scott Westerfeld (Série - Feios)
Kieran vive em um mundo futurista onde as pessoas não sofrem com as doenças que conhecemos (câncer, resfriado, etc). Ele não imagina como seus ancestrais conseguiam viver com tantas limitações.
Até que seu professor de Escassez (seria como nossa aula de História) decide estudar essas limitações para a angústia de Kieran. Ele decide fazer sua pesquisa sobre o sono e sua amiga Maria a NERD da sala escolheu sobre os hormônios na adolescência. Onde cada um descobre um sentimento a mais pelo outro.
De inicio a história é bem maçante e quase chega a ser desinteressante, mas quando os personagens começam a se enamorar a leitura começa a ficar gostosa.
A história é muito futurista e as pessoas chegam a se comparar a robôs, pois não ficam doentes e nem se alteram emocionalmente acho que essa parte foi a mais cansativa, mas o fim compensa.
OBS: Como o livro é composto por cinco contos escolhi esses dois para um mini resenha.

Um comentário:

  1. Oi Denise, como estás?
    Que legal esse livro gosto de uns contos. Ainda não li o Formaturas Infernais, mas parece legal. Acho tão bonitinha a capa desse livro *.*
    =*

    -Amigas Entre Livros-

    ResponderExcluir