segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

[Entrevista] Haydee Victorette compartilha conosco suas experiências.

Hoje a minha entrevistada é a maravilhosa escritora brasileira Haydee Victorette que escreveu o livro "O Perfume da Rosa", quero agradecê-la por responder gentilmente as minhas perguntas e quero também agradecer o carinho que ela teve comigo.

Bom vamos para o mais importante à entrevista (risos).


1- Me fale um pouco de você?

Nasci em Cuiabá – MT, porém atualmente moro em Campo Grande – MS. Tenho 29 anos e sou casada há um ano, ainda não tenho filhos. Sou nutricionista formada pela UFMT e especialista em Nutrição Clínica. Trabalhei no Hospital Universitário Júlio Muller e no Pronto Socorro Municipal de Cuiabá depois de formada. Após o casamento precisei me mudar e no momento estou apenas me dedicando a escrever o próximo romance.
Em relação a quem eu sou, posso dizer que apesar de me considerar uma mulher forte, sou meiga e carinhosa. Detesto mentiras e falsidades. Valorizo a amizade e o amor acima de tudo. Vivo sonhando acordada, às vezes no meu próprio mundo, o que me torna um pouco alienada dos assuntos que não me interessam. Acredito que amores iguais aos dos romances existem, assim como os contos de fadas e os finais felizes. Creio que isto resume um pouco da minha personalidade, mas para saber mais terá que me conhecer melhor, não é mesmo?   

2- Quando surgiu a ideia de escrever o livro O Perfume da Rosa?

Sempre fui uma leitora assídua. Apaixonada por quase todos os gêneros literários, desde Jane Austen a Stephen King. Escrever sempre foi um sonho e tentei realizá-lo há muito tempo atrás, mas confesso que não acreditei que conseguiria e não saí da primeira página.
Em julho de 2010, um amigo, Oberdan F. C. Lira me mostrou os primeiros esboços do livro que ele estava escrevendo (À Sombra do Cavaleiro Negro – As Sagas da Terra de Arnes) e o livro Oficina de escritores, Stephen Koch. Naquele momento me senti inspirada e pronta para tentar escrever este livro. Na semana seguinte, já tinha 10 páginas escritas e não parei mais.

3- Os blogs literários estão muito presentes na vida de um escritor, o que você acha do trabalho desenvolvido pelos blogueiros?

Estou adorando! Apoio totalmente este incentivo aos autores brasileiros. E agradeço ao carinho de todos vocês. Com certeza trata-se de uma parceria de sucesso.
 
 
4- Quais seus projetos para 2012?

Estou escrevendo a continuação do livro Irmãs Stanford, porém agora trata-se da história da Samantha. O título provisório é Hora Sombria. Estou apaixonada por este livro! Os assassinatos trazem elementos de magia em sua cena e parecem se relacionar a uma antiga seita celta. A Samantha é uma personagem incrível! Espero que gostem!

5- Algum dos seus personagens é o preferido? Qual deles?

Gosto de todos os meus personagens! Às vezes sinto que são pessoas reais... Mas os preferidos são Elizabeth e Arthur. Ela por ser forte e decidida, ele pelo carisma magnético e também pela personalidade forte. Adoro a ideia de podermos tranformar um homem libertino em um homem totalmente apaixonado. Este é um dos poderes femininos (risos!).

6- Você tem alguma dica para os seus leitores que tem o sonho de um dia também ser escritor?

É preciso acreditar! O mercado literário brasileiro está crescendo; as pessoas estão começando a valorizar os talentos nacionais; O universo conspira ao nosso favor! Devo ser sincera ao admitir que a caminhada possa ser árdua. No entanto o mais importante é amar o que faz. Quando nos entregamos a um projeto, não importa se ganhamos ou perdemos se, e somente se, nos entregamos por inteiro. Esta é a minha maior dica.

Jogo rápido:

Se defina em uma palavra: Autêntica

Uma música: The point of no return

Um livro: Orgulho e preconceito (Jane Austen).

Um filme: O fantasma da ópera.

Uma pessoa: Rainha Elizabeth I

Quer saber mais sobre o livro, clique aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário